A Seresco participou na reunião celebrada em Lugo, sobre o Projeto EIP-AGRI de aplicação de novas tecnologias TIC na gestão das vinhas.

No passado dia 14 de fevereiro foi celebrada uma reunião técnica e de coordenação do Projeto "Integração de dados multiespectrais e agroclimáticos na gestão de uma vinha para a tomada de decisões em viticultura", projeto dedicado ao fomento de uma agricultura e silvicultura sustentáveis. Este Projeto EPI-AGRI enquadra-se no âmbito da Estratégia Europa 2020 para um crescimento inteligente, sustentável e integrador.

O projeto é desenvolvido através de um grupo operacional na Galiza constituído pelas empresas 3edata, Bodegas Terras Gauda, Seresco e os centros de investigação Misión Biológica de Galicia del Consejo Superior de Investigaciones Científicas, e Universidade de Santiago de Compostela. Está orientado para a viticultura de precisão ao aproveitar as novas tecnologias, assim como a monitorização, e tem como objetivo a melhoria da qualidade da vinha ao otimizar os custos de produção e o impacto no ambiente natural, promover a utilização eficiente de energia e os recursos externos no processo produtivo.

A reunião deste Grupo Operacional ocorreu nos escritórios da 3edata em Lugo, onde foram abordados temas de planeamento e organização de trabalhos a realizar durante o ano de 2017.